quinta-feira, fevereiro 23, 2012

Toda a gente sabe que toda a gente sabe



Image and video hosting by TinyPic 

Já tinha saudades de ir ao Teatro, Sábado foi dia de matar essas saudades. 

"Toda a gente sabe que toda a gente sabe" foi a peça escolhida (vá, a oferta também não era muita). A história retrata a família Mello da Cunha, já depois dos tempos gloriosos em que tinham dinheiro e participavam nas festas da socialité, mas que entanto, neste momento só já vive das aparências. Teresa Guilherme interpreta a mãe de família, a viúva, e vai fazendo o que pode para sobreviver (neste caso tentando casar os filhos a todo o custo). 

Nestas coisas o que mais gosto é "do momento", a certa altura, o filho (interpretado por Rodrigo Saraiva) ao sair do palco com pratos e talheres cai, a Teresa Guilherme desata-se a rir e gerou a gargalhada geral, com direito a palmas e tudo. Apesar de dizerem que os grandes atores nestes momentos não se riem, que acho que acabou por dar muito mais piada à peça.

Diverti-me muito mais do que imaginava, foi um serão diferente e bem passado. Recomendo.

0 comentários: