domingo, novembro 06, 2011

Roma dias 5, 6 e Fim





Quarta-feira foi dia de voltar ao Vaticano, fomos revistados à entrada da Praça de S.Pedro, e assim que entrámos deu logo para ver os cardeais todos prontos para a missa que iria ser celebrada pelo Papa. Opção? Ir até ao Museu do Vaticano.



Existe um caminho curto para a Capela Sistina e um caminho logo. Ora, eu armada em forte qual decidi? O longo...  os corredores do Museu "só" tem 7km de extensão.


Pelos corredores de 7Km:


Alguém estava com fome...


Tenho a dizer que o caminho vale a pena, porque a capela Sistina é simplesmente: UAU. Os frescos deixam qualquer um sem palavras (lá dentro não se  podem tirar fotos) e só é pena a quantidade de gente amontoada que não dá para ver tudo ao pormenor.

No fim da visita ao museu, veio a ideia de almoçar lá dentro... e tenho a dizer que... really bad bad idea... foi a PIOR refeição em Roma (e no Prado e no Thyssen come-se tão bem, humf...) snif snif.

Na parte da tarde, como para ver a Basílica de S. Pedro era necessário esperar durante 2h ao sol, acabámos por ir visitar o Castelo de Sant' Angello. A caminho do castelo, a Krise descobre que a máquina fotográfica tinha pifado e que o telemóvel estava sem bateria (raios Murphy) por isso esta foi a unica foto tirada da varanda do castelo:


No dia 6 vieram as chamadas "saudades de casa". Já estava farta de comida italiana, farta de pedras e farta de igrejas... Mas lá fomos até ao mercado Campo dei Fiori. Onde: a variedade não era assim tanto e havia coisas bem mais caras do que nas lojas, em suma, eu que até gosto de mercados, não achei piada nenhuma.

 

A seguir toca de ir atravessar o Rio Tibre:


E ir até à zona de Transtevere, o objectivo? Visitar a Igreja de Santa Maria em Transtevere:


Tenho a dizer que foi neste momento que atingir a minha saturação de Igrejas, neste preciso momento:




Depois de almoço, regresso de volta para o outro lado do rio:



E viver no meio do rio? 



Para último gelado e como gosto de experimentar comida nova, toca de entrar numa gelataria e pedir um brioche com gelado. Conceito estranho, mais parece um folar da Páscoa com 3 bolas de gelado. Não detestei, mas também não apreciei, de qualquer forma os gelados eram mesmo bons ;)


No dia seguinte, hora de voltar para Portugal, é sempre giro encontrar amigos na estação de comboio que veem na mesma carruagem que nós, mas giro, giro, foi em Vila Franca de Xira, depois de ver a ponte, ver este grafiti: ADOREI.

 


E depois de uma viagem fantástica, a cereja no topo do bolo, chega com uma amiga a ir-me buscar à estação e seguiu-se um jantarada com muita conversa e uma ida ao Bingo que não deu para ganhar nada (mas pormenores). 

Adorei Roma. Para a próxima há mais  :)

0 comentários: