quinta-feira, setembro 29, 2011

Midnight in Paris




Há coisas estranhas e uma delas é sem dúvida entrar numa sala de cinema cheia, num filme do Woody Allen, sem ser na semana da estreia ou na seguinte.

O trailer tinha-me deixado super curiosa e deixou-me intrigada se a fonte de mistério se iria saber logo ou só no final do filme...

O inicio do filme da para matar saudades da cidade das luzes e reviver viagens e sonhar com novas, Paris tem mesmo, mesmo, mesmo um efeito especial.

Gostei do filme, vê-se bem, não imaginava o Owen Wilson a fazer um filme do Woody Allen, mas o papel assenta que nem uma luva... e o Adrian Brody... fiquei o filme todo à espera dele e quando ele apareceu.... me he quedado... completamente derretida, ainda por cima a interpretar um dos meus pintores preferidos de todos os tempos.

Bem, escusado será dizer que dormi durante quase toda a segunda parte... mas realmente, mesmo adormecendo continuo a gostar de ir ao cinema... é masoquismo que se chama não é?

Gostei e quero voltar a rever, da próxima vez pode ser que só durma durante a primeira parte.

0 comentários: