quinta-feira, junho 16, 2011

A gravata



Gosto de ver homens de fato: calça bem vincadas, camisa super bem passada, sapato bicudo, com cinto ou sem cinto, com gravata ou sem gravata, com casaco ou sem casaco. Fica super elegante. Se foi coisa que gostei em Milão, foi a maneira como os italianos andavam sempre impec nas ruas.

Hoje passei por um almoço volante e presenciei uma coisa que borra a pintura do parágrafo anterior toda em 2s: estava um rapaz de fato a almoçar, com o prato na mão e com a gravata puxada para trás. O drama, o horror, a tragédia.

O conselho da mãe: fofinho, não sabes usar gravata, não uses, podes usar fato sem gravata, 'tá?

PS: peço desculpa se feri alguma susceptibilidade.

2 comentários:

Mary disse...

Também não gosto porque dá um ar de desleixo.
Na minha opinião, podem é retirar a gravata e deixar no office ou casa, se não a querem sujar.
:-)

Kris disse...

sim, ou coloca-la no bolso, parecem crianças a comer com babete