terça-feira, março 22, 2011

30 dias de livros - dia 15

Personagem masculina preferida

João da Ega, d' Os Maias

Apaixonei-me por ele aos 17 anos, adorei Os Maias, um dia hei-de voltar a ler o livro, e até hoje a minha personagem masculina preferida é o Mefistófeles de Celorico (desculpa Poirot).

"(…) era considerado em Celorico, mas também na Academia, que ele espantava pela audácia e pelos ditos, como o maior ateu, o maior demagogo, que jamais aparecera nas sociedades humanas. Isto lisonjeava-o: por sistema exagerou o seu ódio à Divindade e a toda a Ordem Social: queria o massacre das classes médias, o amor livre das ficções do matrimónio, a repartição das terras, o culto de Satanás. O esforço da inteligência neste sentido terminou por lhe influenciar as maneiras e a fisionomia; e, com a sua figura esgrouviada e seca, os pêlos do bigode arrebitados sob o nariz adunco, um quadrado de vidro entalado no olho direito - tinha realmente alguma coisa de rebelde e de satânico." Eça de Queirós, "Os Maias" in Wikipedia

2 comentários:

Kelle disse...

Xiii, o que eu gostava desse boémio que era o João da Ega! Realmente havia qualquer coisa nele que encantava, devia ser aquele espírito livre. Os Maias são um dos meus livros preferidos, de tal maneira que também tenho nos planos voltar a lê-lo, a essa e ao Crime do Padre Amaro! Aconselho-te vivamente a ler A Cidade e as Serras, acho que há um paralelo entre as personagens deste livro e d'Os Maias: http://chama-sevida.blogspot.com/2010/08/cidade-e-as-serras-de-eca-de-queiroz.html

Kris disse...

comecei a ler a cidade e as serras antes de ler os mais, na altura achei aquilo muito complicado, se calhar está na altura de voltar a tirar o livro da estante.

obrigada pela dica ;)