quarta-feira, março 17, 2010

O terceiro aniversário do Phive



Sábado, pela primeira vez, fui a um jantar do Phive. Desde que o ginásio abriu que ando lá e que passava o tempo a dizer para mim própria que ia ao próximo: Sábado foi esse dia. Não sou daquelas pessoas que passa muito tempo no ginásio, vou fazer as aulas e saio, por isso acabo por não conhecer muita gente, mas lá me enchi de coragem (e com o incentivo da Délinha e da Té) inscrevi-me e ainda fui comprar uma peça de roupa branca para cumprir o dress code (white).

O lugar do jantar era surpresa, havia autocarros para nos transportar, mas como já sabia que era num hotel e fora de Coimbra as hipóteses não eram muitas, assim quando atravessámos a Ponte Rainha Santa se tivesse de apostar, apostaria no Mélia Palácio da Lousã e... acertava.

O hotel tem um aspecto tão fantástico como nas fotos que já tinha visto. Apesar de a minha mãe ter dado aulas na Lousã há mais de 30 anos, e continuar sempre a falar bem da vila, nunca me lembro de lá ter ido (shame on me) mas definitivamente tem de ir para a TODO list dos sítios a visitar.

O jantar foi fantástico, a companhia melhor ainda, deu para conhecer pessoas novas (engraçado como à medida que se vai crescendo a primeira pergunta que surge quando se conhece alguém é o local de trabalho), houve banda brasileira, caipirinhas, um souflé de chocolate delicioso que um dia destes vou tentar imitar, prémios para os mais assíduos e companhia (eu cá não ganhei nada), entre muitas outras coisas.

E fotos? Pois... Quando saí de casa, apercebi-me que não tinha máquina, volto para trás a buscá-la e quando durante o jantar a tiro para sacar umas fotos... apercebo-me que não tinha bateria. Fiquei fula.

A repetir!


PS: E agora tenho umas calças brancas no armário a destoar perante toda a roupa escura que estou para ver se as voltarei a usar.

foto daqui

0 comentários: